domingo, 11 de abril de 2010

Robin Cox Ensemble

Na última postagem musical comentei sobre a estação Counterstream, sediada no live365. É uma das estações com a etiqueta de "avant garde" que me auxiliam a suportar um trabalho idiota. Eles tocam uma série de nomes, muito interessantes, que eu nunca ouvi falar, e que não consigo depois achar mais coisa em mp3, o que é o problema com os torrents. Por isso resolvi lançar uma ofensiva mais ousada e encomendar o CD Faster Than That [2009] de um dos nomes mais recorrentes por lá: Robin Cox Ensemble. Trata-se de um arranjo bem equilibrado de violino (o próprio Cox), cello (Maggie parkins), clarineta (Marty Walker) e dois percussionistas, com ênfase em teclados (Erik Leckrone e Eric Mellencamp). Como descrever? É música contemporânea sem muitas arestas para afastar o candidato a ouvinte - não que eu não goste de coisas extremas, hehe. Às vezes pode lembrar Phillip Glass ou Steve Reich (dado o protagonismo da percussão) e em momentos remete a Piazzola. Enfim, se não é aquele avant garde que vai rasgar seus ouvidos, é música inovadora e de bom gosto, que vale a pena conhecer. Por isso incorporo aqui o vídeo de Levitation Games. Como o som dos vídeos não está lá essas coisas, vou também incluir a faixa Drive, só áudio.



Nenhum comentário: